O Poema da Prosperidade

Afinal de contas, o que é prosperidade?

Houve um tempo, dentro de cada um de nós, que não era necessário escolher entre duas partes, era possível termos as duas.

Foco no trabalho ou na família?

Foco no dinheiro ou na felicidade?

Fazer o que é certo ou o que precisa ser feito?

Cuidar de nós mesmos ou cuidar dos outros?

Seguir o nosso propósito ou trabalhar para fazer o dinheiro que precisamos?

Dar atenção as coisas materiais ou as espirituais?

Estudar e aprender ou trabalhar e crescer dentro da nossa profissão?

Em que momento que dividimos essas coisas?

Em que momento que decidimos que ter uma não possibilita ter a outra também?

Prosperar, nada mais é, do que integrar nossas partes.

É fazer o trabalho conviver em harmonia com nossa família.

É fazer do dinheiro uma ferramenta poderosa para aumentar nossa felicidade e das pessoas ao nosso redor.

É fazer com que o que precisa ser feito seja o certo a fazer.

É transformar nosso propósito também na ferramenta do nosso sustento.

É perceber que a evolução material e espiritual acontecem juntas.

E que aprendizado, trabalho e evolução são uma única coisa.

É, acima de tudo, nos dar conta de que prosperar é nos unir com cada uma das nossas partes e com o mundo a nossa volta.

Quer prosperar de verdade em cada cantinho da sua vida?

Junte as suas partes.

Quer fazer essa prosperidade andar de mãos dadas com toda a felicidade que você merece?

Faça das suas ações sementes que plantem a prosperidade e a felicidade no mundo ao seu redor.

Una dentro, una fora e você descobrirá que prosperar nada mais é do que o caminho para o Amor.

Só há prosperidade de verdade onde existe Amor.

Sem Amor a prosperidade é construída em bases frágeis.

Em que área da sua vida a prosperidade ainda não chegou?

Talvez esteja no momento de se perguntar se nessa área o Amor já chegou de verdade….

Um grande abraço e até a próxima.