Category Archives: artigos

22jul/19

Você é muito qualificado para o cargo

Muitos profissionais veem a educação e as experiências extracurriculares como alternativa para manterem-se competitivos. Mas será que ter todo esse repertório ainda é um diferencial?

iStock

Em um mercado global e cada vez mais competitivo, tem sido comum encontrar candidatos muito qualificados para os cargos oferecidos pelas empresas. Atualmente, profissionais com uma pós-graduação ou MBA, inglês avançado, que são voluntários, fizeram intercâmbio, e até que possuem formação em liderança, PNL ou coaching, são cada vez mais comuns. Nos últimos anos, os jovens, principalmente das gerações Y e Z, têm buscado se aprimorar constantemente. Além disso, com a crise no Brasil, muitos profissionais veem a educação e as experiências extracurriculares como alternativa para manterem-se competitivos. Mas será que ter todo esse repertório ainda é um diferencial? Depois de passar por tantas experiências e acumular aprendizados, como fazer valer todo esse esforço?

Esses questionamentos angustiam muita gente em busca de uma recolocação e, diante de uma oportunidade de trabalho, escutam frequentemente do recrutador que são qualificados demais para o cargo. Para esses profissionais, são esses os meus conselhos:

1. Invista no autoconhecimento: muitas pessoas se deixam levar pelas oportunidades que vão surgindo e as agarram sem saber exatamente o porquê. É preciso tomar cuidado para não ser influenciado pelos outros ou por seu próprio piloto automático. Ter clareza de quem você é, saber o que você faz bem e onde se quer chegar são os primeiros passos para reconhecer se você está no lugar certo ou se está buscando oportunidades nos lugares certos.

2. Alinhe expectativas com o mercado de trabalho: conforme vamos nos desenvolvendo e adquirindo novos conhecimentos é comum criarmos altas expectativas sobre nossa profissão e sobre oportunidades melhores. Porém, é importante saber a verdadeira realidade de sua área e do mercado em geral, para não se frustrar na busca por oportunidades e para não fazer investimentos que não tragam retornos no futuro. Por isso, procure conversar com profissionais que atuam há mais tempo na sua área e que você admira, e converse também com profissionais de Recursos Humanos.

3. Permaneça antenado sobre o futuro do seu trabalho: para qual direção a sua área está indo? Ter informações sobre as tendências e sobre o futuro de sua profissão pode ser uma excelente forma de avaliar quais decisões são melhores em sua carreira e se você está investindo no caminho certo. Com isso, você estará melhor preparado para recalcular a sua rota, se for preciso.

4. Demonstre resultados: citar ações concretas e exemplos que comprovem suas competências e habilidades nas entrevistas pode fazer toda a diferença. Por isso, resgate projetos e ações que você realizou nos locais em que passou e que trouxeram resultados significativos. Além disso, comente sobre outras experiências pessoais, por exemplo, relacionadas a estudo ou até dentro de uma prática espiritual ou religiosa, que podem apoiá-lo a mostrar que você quer fazer a diferença no local em que trabalhar.

5. Aplique os seus conhecimentos na prática: estudos comprovam que, quando saímos da universidade, aplicamos menos de 1/4 do conteúdo que aprendemos. Por isso, não adianta ter um currículo robusto se não conseguimos utilizar nossos aprendizados no ambiente de trabalho. Na hora da entrevista, traga ideias e soluções do que você faria nos desafios que o cargo propõe e demonstre exemplos de conhecimentos que você aplicou nas suas experiências anteriores.

6. Movimente-se: ficar parado não irá adiantar, por isso, acredite em si mesmo e em seu potencial, esforce-se para ampliar a sua rede de contatos, vá em busca de oportunidades em locais que você admira, fortaleça as relações que você já tem e converse com quem pode te ajudar a encontrar uma oportunidade de acordo com o seu perfil.

7. Reinvente-se! Com um repertório tão grande de experiências e conhecimentos adquiridos, por que não se arriscar em novas áreas ou em empresas diferentes? É comum focar no que já conhecemos e nos sentimos seguros em fazer, sem perceber que há um horizonte muito maior de possibilidades para a atuação profissional. Por isso, identifique suas potencialidades e crie novas formas de colocar suas competências à serviço das empresas e da sociedade.

8. Planeje-se: organize-se e transforme seus objetivos em pequenas ações. Comece aos poucos. Você irá perceber que, dessa forma, haverá maior consistência e facilidade em realizar o que você busca.

* Livia Antonelli é consultora de Recursos Humanos da Universidade Positivo (UP).

fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/voce-e-muito-qualificado-para-o-cargo/121985/

21jul/19

Insatisfação: o alerta sobre a necessidade de mudanças

Se houver clareza sobre o que realmente almeja tanto no aspecto pessoal quanto no profissional, a insatisfação pode ser transformada em combustível

iStock

A constante insatisfação e busca por coisas novas são sentimentos característicos do ser humano. Em algum momento, todos sentem a necessidade de mudar algo em suas vidas. Ao se questionar sobre o que não está legal, as pessoas certamente encontrarão respostas para questões como: o relacionamento amoroso poderia ter mais cumplicidade, gostaria de ficar mais tempo com seus filhos, ganhar mais dinheiro, trocar de carro, ser admirado profissionalmente e pessoalmente, viajar mais. Diversos são os aspectos nos quais a busca por melhorias é permanente.

No âmbito corporativo ocorre o mesmo. Em alguns casos, empresas de um mesmo segmento, com características e estilo de gestão semelhantes, alcançam resultados divergentes, uma situação que pode apresentar várias explicações. Em primeira análise, por exemplo, é possível indicar diferenças na forma como cada um negocia de acordo com suas expectativas, a maneira como elencam seus objetivos, a qualidade do monitoramento durante as atividades e a definição dos resultados a serem alcançados.

Além disso, será possível identificar discordâncias em relação ao foco, à energia, persistência e a determinação aplicados pelas pessoas durante o processo de execução de qualquer projeto, elencando a desistências delas como um dos motivos da diferença entre resultados de negócios com estilos de gestão parecidos. O segredo para evitar esse tipo de situação é encarar as insatisfações e resultados não tão bons pelo lado positivo. O ideal é que a insatisfação venha sempre atrelada ao desejo de mudança. Ser capaz de identificar o que se quer é o primeiro passo para alcançar os objetivos.

Por instinto, o ser humano tende a enquadrar a insatisfação como algo negativo, o que é bastante compreensível, já que essa emoção é capaz de paralisar, gerar conflitos ou despertar o estado de fuga em relação a situações difíceis. Porém, se houver clareza sobre o que realmente almeja tanto no aspecto pessoal quanto no profissional, a insatisfação poderá ser transformada em combustível, para impulsionar o processo de mudança e aperfeiçoamento. Por meio de autoconhecimento e dedicação, todos são capazes de determinar a qualidade do resultado das suas ações.

*Alessandra Canuto é especialista em gestão estratégica de conflitos e negociação, facilitação e treinamento para potencializar negócios através do desenvolvimento de pessoas. É sócia e palestrante da AlleaoLado, empresa focada em palestras, treinamentos e consultoria.

fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/insatisfacao-o-alerta-sobre-a-necessidade-de-mudancas/121705/

19jul/19

Estagiário após os 30: o que ele pode agregar à sua empresa?

Mercado de trabalho pode se beneficiar de profissionais que reiniciam carreira em busca de sonho ou após onda de demissões

iStock

Em busca de realização, muitas pessoas têm largado carreiras consolidadas para investir em outros rumos. O recomeço com um novo curso faz necessária a volta à fase de estágios, o que traz benefícios às empresas. Daniela Misorelli, CEO da plataforma de recrutamento de estudantes Estagiários Online, aponta cinco razões para apostar no estagiário mais velho:

1. Muita experiência
A atuação anterior em outros trabalhos proporciona ao estagiário conhecimentos que podem ser reaplicados e até calhar de ser a peça que faltava no quebra-cabeça de uma companhia, com sua experiência e habilidades.

2. Motivação para dar e vender
Se o profissional abdicou de uma carreira para ir atrás de fazer o que gosta é sinal de que ele estará empolgado nessa missão. Ele realizará, então, as tarefas com muita satisfação e disposição.

3. Dedicação e vontade de crescer
Há ainda aqueles que só tiveram a oportunidade de começar uma formação superior mais tarde, e que estão determinados a fazer a diferença tanto na própria vida quanto na da família. “Não há idade para iniciar ou retomar os estudos, basta a vontade de adquirir novos conhecimentos e a dedicação”, comenta a CEO do Estagiários Online.

4. Aprendizados da maturidade
Com mais vivência, o estagiário mais velho já passou por situações em que aprendeu o peso das escolhas e das consequências de seus atos. Ele pondera mais antes de agir, não se envolve em conflitos à toa e é, ainda, uma boa influência para os colegas.

5. Benefícios da diversidade
A troca de experiências suscitada pelo convívio entre diferentes gerações soma à equipe e à empresa. O diálogo fica mais rico com a diversidade de opiniões e, assim, pode-se chegar a melhores soluções e resultados.

fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/estagiario-apos-os-30-o-que-ele-pode-agregar-a-sua-empresa/121886/

18jul/19

Pós-graduação aumenta a empregabilidade e garante maiores salários

Para potencializar os ganhos futuros, você deve alinhar suas expectativas, bons cursos e a demanda do mercado

iStock

Cursar uma pós-graduação pode representar um ganho duplo para os profissionais: além de aumentar a possibilidade de contratação por empresas de ponta no mercado, pode garantir um aumento salarial em relação aos profissionais que contam apenas com a graduação.

Para potencializar os ganhos futuros, entretanto, você deve alinhar suas expectativas, bons cursos e a demanda do mercado. De acordo com a consultoria PayScale, que realizou uma pesquisa semelhante nos Estados Unidos, “algumas pós dão retorno salarial, mas outras não têm o mesmo potencial de aumentar os ganhos”.

Cursos de MBA, especialização ou a Pós ADM, por exemplo, são capazes de aumentar rendimento salarial em cerca de 50%, dependendo da área. Sua competitividade profissionaltambém cresce exponencialmente: hoje, dificilmente posições de liderança nas empresas são ocupadas por pessoas sem uma pós-graduação. Na medida certa: Competitividade profissional – benefícios e malefícios 

A escolha do curso de pós graduação que melhor irá garantir retorno sobre o investimento deve ser criteriosa: é importante saber se a instituição tem uma marca sólida no mercado, se oferece cursos que atendem às demandas das organizações e se dispõe de uma grade curricular atualizada, para que você realmente possa agregar conhecimentos e tenha um diferencial competitivo. E se você planeja investir em uma pós-graduação, não deixe de conhecer o PÓS ADM DA FGV.

fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/pos-graduacao-aumenta-a-empregabilidade-e-garante-maiores-salarios/119807/

10jul/19

Papo de empreendedor: 5 conselhos de um para o outro

A realidade é que não existe fórmula mágica para ter um negócio de sucesso e cada um inventa seus caminhos, mas algumas dores são comuns a todos e juntos podemos minimizá-las

iStock

Já faz um tempo que a palavra empreendedorismo não sai da boca do brasileiro. Ser ou não ser, eis a questão! O fato é que o Brasil é um país onde o empreendedorismo pulsa na veia, uma vez que, segundo a UnitFour, o número de empresas abertas em 2016 cresceu 20% em relação ao ano anterior.

Seja por necessidade ou por vontade própria, empreender é uma árdua caminhada e exige muita dedicação. Aos olhos de quem está de fora é bacana, rentável e sinônimo destatus, mas visto de dentro, todo empreendedor sente na pele o real custo de ter o próprio negócio.

Nem uma vida inteira é capaz de nos ensinar tudo o que precisamos para superar as barreiras, adversidades e medos. Cada dia aprendemos um pouco mais e buscamos errar um pouco menos. Se eu pudesse dar alguns conselhos aos meus colegas empreendedores, seriam:

· Divulgação é fundamental: vender o próprio peixe nunca foi tão importante, portanto use todos os canais que estiverem ao seu alcance para divulgar sua marca, seus serviços e sua expertise. Esteja fortemente ativo nas redes sociais, tenha um blog e alimente-o com informação relevante, busque espaço nas revistas, jornais e rádios, faça parcerias com influenciadores do seu meio.

· Você é sua empresa e sua empresa é você: queira ou não, a partir da decisão de empreender, o seu negócio fará parte de quem você é e não há como separar. Além de promover sua empresa, também use do seu marketing pessoal, afinal, você é o cérebro e máquina central do negócio. Esteja sempre orquestrado com os objetivos da sua marca para que você consiga alcançar as metas traçadas.

· Networking é tudo: independentemente da área de atuação, ter uma rede de contatos é fundamental para o crescimento do negócio, uma vez que esse relacionamento propicia troca de informações, experiências, conhecimentos e indicações de forma natural e mútua. A sua dor de hoje pode ter sido de outro empreendedor no passado, trocar conhecimento é combustível para gerir uma crise ou criar novas oportunidades.

· Planejamento é a alma do negócio: pode parecer chato, burocrático e pouco prático, mas o planejamento norteia o crescimento e as decisões da empresa. Abrir mão dessa ferramenta é assumir o risco de que tudo pode dar errado. Ele não é a fórmula mágica para um negócio de sucesso, mas é a bússola.

· Reinvente-se: o mercado muda em uma velocidade surpreendente e, para ter um negócio inovador, é fundamental que o empreendedor se reinvente constantemente. Invista em você, estude muito, esteja sempre em contato com seus clientes e com as tendências da sua área. Amadureça o profissional que está coberto por uma grossa camada de “empreendedor faz tudo”. Não caia na rotina e alimente diariamente sua sede de dar certo.

A realidade é que não existe fórmula mágica para ter um negócio de sucesso e cada um inventa seus caminhos, mas algumas dores são comuns a todos e juntos podemos minimizá-las. Outro fato é que sempre vão dizer que ter o próprio negócio é moleza, não ter chefe é uma maravilha e fazer o próprio horário é um sonho, mas poucos sabem que para dar certo é preciso trabalhar mais do que dormir ou curtir o happy hour com a galera do trabalho na sexta-feira à noite.

Feliz Dia do Empreendedor para quem sabe o que é abdicar de mil coisas em prol da realização de um sonho!

Thamiris Rezende — Jornalista, fundadora da HUG Comunicação Corporativa e empreendedora persistente.

fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/papo-de-empreendedor-5-conselhos-de-um-para-o-outro/121736/

05jul/19

Empregos de fim de ano: sete dicas para aproveitar a época e conquistar uma vaga

Não é só para vagas efetivas que departamentos de RH costumam analisar as redes sociais das pessoas

iStock

A maior sazonalidade empregatícia, no Brasil e no mundo, é o período entre setembro e dezembro. É a famosa época das contratações de fim de ano, que visam atender aos turnos dobrados e triplicados de indústrias, serviços e comércios que funcionam para atender às festas de fim de ano, e aproveitar os gastos com 13º salário.

É uma época de movimentação intensa na economia, o que gera oportunidades. Apesar de nos últimos anos esse ter sido um período bem mais fraco do que o habitual, em 2017 já se espera 374,8 mil contratações em regime temporário. O número é 5,5% maior do que o do mesmo período de 2016. Esse número havia caído muito em 2015 e 2016 devido à recessão que o país enfrenta, porém parece que as coisas tendem a melhorar. O estudo que aponta esses dados é o da Associação Brasileira de Trabalho Temporário, a Asserttem, que reúne 200 agências de emprego.

Há três anos, antes da crise, esses números chegavam a 490 mil vagas. O número ainda está distante de uma época de maior saúde financeira do país, mas está crescendo. A própria melhora da economia, e as mudanças da legislação de trabalhos temporários, que passou a valer em março desse ano, criaram um terreno de confiança para contratações.

De acordo com a nova legislação, há duas grandes mudanças que incentivam a contratação: o aumento no prazo para a contratação de trabalhador temporário; e a autorização para que, na qualidade de tomador de serviços, empresas de qualquer ramo possam contratar, sem vínculo empregatício, trabalhadores terceirizados, mesmo que seja para o exercício de atividades ligadas à sua atividade-fim.

Com o desemprego em níveis elevados, essa tem se mostrado uma excelente hora para se preparar bem e conseguir agarrar aquele emprego que, embora temporário, muitas vezes conta com chances de contratação fixa. Para isso é preciso estar alinhado com as expectativas do mercado e saber lidar bem com entrevistas, preparação de currículos, etc.

Segue algumas dicas do que fazer nesse cenário para conquistar um espaço para você:

Fique de olho no calendário: em outubro, novembro e dezembro começam as altas de busca para o varejo. Em setembro a alta se liga muito à indústria, porém em 2017 essas contratações começaram no fim de julho. Outubro é a época em quem lojas maiores contratam, e em novembro lojas menores tendem a ampliar seu contingente. Estar atento às datas é muito importante, não só para garantir o emprego por mais tempo, mas também para ter mais chances de mostrar serviço e ser contratado como fixo. São de 15% a 20% de pessoas que consegue efetivação. Assim, agora que restam três meses para 2018, foque no varejo.

Olho no contrato: apesar das mudanças da lei, o trabalhador temporário ainda conta com os mesmos direitos do trabalhador efetivo, como férias, hora extra, descanso semanal remunerado. Não é porque é temporário que é bico. Se preocupe com contrato. Em janeiro as oportunidades temporárias tendem a se tornar efetivas, mas faça questão de ter o que é de direito no período do trabalho temporário.

O currículo é a porta de entrada: seja assertivo, curto, objetivo e direto. Cite suas últimas três experiências profissionais, destaque cursos realizados e que tenham a ver com a vaga, além de deixá-lo personalizado à vaga que busca. A NVH Talentos Humanos vai realizar um trabalho de assessoria para construção de currículo no dia 24 de outubro, próximo à estação República da Linha Amarela do metrô de São Paulo. É uma oportunidade gratuita para pegar umas dicas. Há informações no site.

Agências são as melhores para essa época: focar em agências que se especializam em trabalho temporário é útil nessa época do ano. Vale a pena acessar o site do Ministério do Trabalho e verificar o registro da agência para ter certeza de que ela está de acordo com a lei.

O fator humano: para essas vagas geralmente o que mais se busca são requisitos básicos como segundo grau completo, idade entre 18 e 45 anos, simpatia, comunicação clara, trabalho em equipe, e às vezes ter uma indicação é muito bom. Ou seja, o relacionamento interpessoal conta muito. Vale ficar atento e desenvolver essas habilidades, tanto para entrevistas quanto para se destacar nos empregos. As entrevistas contam com muita gente, e são rígidas, então estar atento a tudo e se dedicar a mostrar que consegue desenvolver bem uma venda, por exemplo, é essencial.

Redes sociais também contam: não é só para vagas efetivas que departamentos de RH costumam analisar as redes sociais das pessoas. Ter um perfil que não agrida as pessoas, às marcas, também é importante. Uma loja não vai contratar quem acabou de difamá-la na internet, ou mesmo fez um comentário preconceituoso ou de ódio.

Atenção: olhos atentos são sempre uteis. Andamos o tempo todo por comércios, dos mais simples de bairro até os mais famosos em shoppings. Essa época é fértil. Ficar atento a anúncios de vagas nas portas ajuda a expandir os horizontes de onde deixar currículos conforme se anda pela cidade.

Fernanda Andrade é gerente de R&S, na NVH Talentos Humanos.

fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/carreira/empregos-de-fim-de-ano-sete-dicas-para-aproveitar-a-epoca-e-conquistar-uma-vaga/121755/

19jun/19

O que cada emoji usado no WhatsApp significa? Veja principais explicações

Confira os verdadeiros significados dos emojis para evitar confusão com os amigos

Por Carol Fernandes, para o TechTudo

10/06/2019 06h00  Atualizado há um dia


Usar emojis nas conversas do WhatsApp ou em outras redes sociais é uma prática bem comum na Internet. Quando não se sabe o que escrever, uma carinha feliz ou triste, por exemplo, pode demonstrar o que a pessoa está pensando ou sentindo naquele momento. No entanto, é importante lembrar que o significado de alguns ícones pode não estar claro para todos os usuários e, por isso, a interpretação tende a ser variada. O equívoco pode ser ainda maior considerando que os emojis para iPhone (iOS), Android e Windows Phone são diferentes.

A Unicode publica padrões sobre o que os emojis significam, mas nem sempre são usados da forma correta. Afinal, eles podem ter significados únicos dentro de certos grupos. A rede social Snapchat, por exemplo, tem seu próprio conjunto exclusivo de emojis. Para facilitar sua vida e impedir interpretações erradas nas próximas conversas, o TechTudolistou os significados de algumas das figuras mais populares no WhatsApp.

Como encontrar emojis e símbolos ‘escondidos’ no seu celular

whatsapp-emoji-faixa — Foto: Luana Marfim/TechTudo

whatsapp-emoji-faixa — Foto: Luana Marfim/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Emojis de Rosto Feliz

  • Rostos Sorridentes
Rostos Sorridentes indicam felicidade — Foto: Reprodução/TechTudo

Rostos Sorridentes indicam felicidade — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto sorridente com olhos sorridentes” e “Rosto Sorridente” são os emojis usados com mais frequência na web. Eles indicam felicidade ou positividade. Raramente são usados após um insulto ou crítica.

  • Outros rostos sorridentes
São vários os emojis sorridentes para expressar alegria — Foto: Reprodução/TechTudo

São vários os emojis sorridentes para expressar alegria — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto sorridente com a boca aberta”, “Rosto sorridente com boca aberta e olhos sorridentes”, “Rosto sorridente” e “Rosto sorridente com a boca aberta e olhos bem fechados” são semelhantes aos dois rostos mais simples de smiley. No entanto, geralmente são usados para expressar maiores níveis de felicidade. Uma mensagem com um desses emojis normalmente será extremamente positiva.

  • Rosto sorridente com boca aberta e suor frio
Emoji expressa felicidade com alívio — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji expressa felicidade com alívio — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto sorridente com boca aberta e suor frio” mostra felicidade com alívio. As mensagens que usam esse emoji costumam expressar alegria com o fato de que um evento potencialmente negativo tenha funcionado. Por exemplo, você pode usar esse emoji em uma mensagem explicando que acabou de passar em um teste difícil ou no caso de uma situação complicada, mas que tenha dado tudo certo no final.

  • Rosto com lágrimas de alegria
Emoji com lágrimas de alegria ou para expressar uma risada mais intensa — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji com lágrimas de alegria ou para expressar uma risada mais intensa — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Rosto com lágrimas de alegria” é usado para mostrar o riso mais forte ou intenso. É comum ser substituído por “LOL” quando alguém envia uma piada.

  • Rindo e rolando no chão
Emji para momentos intensos de risada  — Foto: Resprodução/TechTudo

Emji para momentos intensos de risada — Foto: Resprodução/TechTudo

O “Rosto sorrindo e rolando no chão” é a versão mais recente versão do “ROFL”, que significa “Rolling On The Floor Laughing. Em português, é utilizado para dizer que você está “rolando no chão de tanto rir” – uma gíria da Internet.

  • Rosto de cabeça para baixo
Emoji para quando você não quiser parecer tão sério — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji para quando você não quiser parecer tão sério — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto de cabeça para baixo” significa que você não está falando sério ou está falando sobre algo que aparentemente não faz sentido.

  • Cara Doida
Um emoji bem irreverente para sua conversa — Foto: Reprodução/TechTudo

Um emoji bem irreverente para sua conversa — Foto: Reprodução/TechTudo

A “Cara Doida” também é um emoji que mostra irreverência. Use isso se algo é bobo, mas engraçado.

  • Rosto sorridente com óculos de sol
Um bom exemplo de emoji para uma ironia leve — Foto: Reprodução/TechTudo

Um bom exemplo de emoji para uma ironia leve — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto sorridente com óculos de sol” é usado para mostrar a frieza. Às vezes é usado com ironia ou pode significar “lidar com isso”.

  • Rosto Ruborizado
Expressão de um rosto envergonhado — Foto: Reprodução/TechTudo

Expressão de um rosto envergonhado — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji de “Rosto Ruborizado” mostra constrangimento por uma situação embaraçosa ou erro. Também é muito usado para mostrar timidez ao responder elogios.

  • Rosto saboreando comida deliciosa
Se a comida parecer boa, este é o emoji certo — Foto: Reprodução/TechTudo4

Se a comida parecer boa, este é o emoji certo — Foto: Reprodução/TechTudo4

A comida pareceu boa? O “Rosto saboreando comida deliciosa” pode ser usado para expressar uma refeição bem saborosa.

  • Cara Nerd
Emoji para nerds ou para algumas ironias — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji para nerds ou para algumas ironias — Foto: Reprodução/TechTudo

A “Cara Nerd” mostra inteligência ou paixão por um assunto específico. Também é frequentemente usado ironicamente.

  • Rosto sorridente com olhos de estrela
Emoji para aquele momento mais animado — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji para aquele momento mais animado — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Rosto sorridente com olhos de estrela” mostra que você está animado ou chocado, como quando você está esperando alguém ou algo.

  • Rosto com língua de sogra e chapéu de festa
Emoji para comemorações — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji para comemorações — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto com língua de sogra e chapéu de festa” é usado quando se celebra um evento. É melhor usado quando é o aniversário de um amigo.

Emojis de Rosto Provocador

  • Rosto Sorrindo
Esse é o emoji da risada mais safadinha — Foto: Reprodução/TechTudo

Esse é o emoji da risada mais safadinha — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Sorrindo” tem fortes conotações sexuais. Normalmente acompanha insinuações sexuais ou sugestões.

  • Rosto Piscando
Aqui vai uma piscadinha! — Foto: Reprodução/TechTudo

Aqui vai uma piscadinha! — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Piscando” mostra que a mensagem foi enviada com intenção humorística. Qualquer mensagem que acompanhe uma cara piscando não deve ser levada muito a sério. Semelhante ao “Rosto Sorrindo”, o “Rosto Piscando” frequentemente acompanha mensagens sugestivas.

  • Rostos com língua presa
Rostos com a língua de fora para mostrar humor — Foto: Reprodução/TechTudo

Rostos com a língua de fora para mostrar humor — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto com língua presa”, “Cara com língua presa e olho piscando”, e “Cara com língua presa e olhos bem fechados” são usados de forma intercalada com o rosto piscando para mostrar humor.

  • Rosto aliviado
Para expressar sensação de alívio ou contentamento — Foto: Reprodução/TechTudo

Para expressar sensação de alívio ou contentamento — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto aliviado” é, como o nome sugere, a indicação de alívio. No entanto, é usado principalmente para mostrar contentamento. Pode também, em resposta a um emoji sugestivo, demonstrar indiferença ou inocência.

  • Rosto sorridente com auréola
Emoji com auréola para ser usado com bom humor — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji com auréola para ser usado com bom humor — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto sorridente com auréola” mostra inocência. Pode ser usado com seriedade ou humor. Por exemplo, esse emoji seria apropriado ao enviar mensagens a seus amigos em uma sexta-feira para explicar que você está em casa durante a noite.

  • Rostos com chifres
Travessura ou malícia? — Foto: Reprodução/TechTudo

Travessura ou malícia? — Foto: Reprodução/TechTudo

Os “Rostos com chifres” podem ser usados alternadamente para mostrar a travessura ou malícia. Como um está sorrindo e o outro franzindo a testa, eles mostram coisas sutilmente diferentes. O “Rosto sorridente com chifres” tem mais a ver com pequenas travessuras ou mensagens sugestivas, enquanto o outro implica mais malícia.

  • Rostos Beijando
Emojis de beijos também podem ser usados para assobios — Foto: Reprodução/TechTudo

Emojis de beijos também podem ser usados para assobios — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto Beijando”, “Rosto jogando beijo”, “Beijando rosto com olhos sorridentes” e “Rosto beijando com olhos fechados” são usados para mostrar romance ou afeição. O “Rosto jogando beijo” é tipicamente mais romântico devido ao pequeno coração vermelho. Os outros três também podem ser usados para mostrar assobios inocentes.

  • Rosto sorridente com olhos em forma de coração
Para momentos de amor ou gratidão — Foto: Reprodução/TechTudo

Para momentos de amor ou gratidão — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto sorridente com olhos em forma de coração” mostra amor, adoração ou gratidão. Pode ser usado para uma pessoa, lugar ou coisa.

  • Rosto Abraçando
O emoji do abraço — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji do abraço — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Abraçando” significa que você está enviando um abraço virtual ao destinatário.

Emojis de Rosto Negativo

  • Caras em branco
Emoji para momentos sem palavras  — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji para momentos sem palavras — Foto: Reprodução/TechTudo

Os “Rosto Neutros” mostram uma grande falta de emoção. Eles podem ser usados para mostrar que alguém não está impressionado, indiferente ou desajeitado.

  • Rosto sem expressão
Rosto de insatisfação ou suspeita — Foto: Reprodução/TechTudo

Rosto de insatisfação ou suspeita — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto sem expressão” expressa insatisfação ou suspeita. Este emoji não mostra a verdadeira raiva ou tristeza, mas sim uma emoção sutilmente negativa. Por exemplo, se estiver insatisfeito ou duvidoso com a desculpa de alguém por estar atrasado, pode enviar este emoji.

  • Rosto com suor frio
Emoji que demonstra stress ou trabalho duro — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji que demonstra stress ou trabalho duro — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto com suor frio” mostra estresse ou trabalho duro. Normalmente, refere-se a uma situação específica. Mandar uma mensagem para uma pessoa da família para explicar que você deve ficar até tarde no escritório, justifica esse emoji.

  • Rostos Tristes
Para dias de tristeza — Foto: Reprodução/Divulgação

Para dias de tristeza — Foto: Reprodução/Divulgação

“Rosto Pensativo” e “Rosto Decepcionado” são os dois principais emojis de rosto triste. Ambos transmitem uma sensação de tristeza, remorso, arrependimento, desapontamento ou qualquer emoção negativa similar.

  • Rosto Pedindo
Aquele olhar "pidão" — Foto: Reprodução/TechTudo

Aquele olhar “pidão” — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Pedindo” é para quando você estiver pedindo um favor. É a aparência dos “olhos de cachorrinho” e raramente é usada em situações sérias.

  • Rosto desapontado mas aliviado
Para mostrar medo ou mágoa — Foto: Reprodução/TechTudo

Para mostrar medo ou mágoa — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto desapontado mas aliviado” é geralmente usado para mostrar medo ou mágoa.

  • Rosto Chorando
Este emoji tem mais a ver com mágoa do que com tristeza — Foto: Reprodução/TechTudo

Este emoji tem mais a ver com mágoa do que com tristeza — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Chorando” é semelhante ao “Rosto Pensativo” e “Rosto Desapontado”. No entanto, ele mostra um sentimento mais forte de mágoa do que a tristeza geral.

  • Rosto chorando alto
Choro de tristeza ou para momentos de ironia — Foto: Reprodução/TechTudo

Choro de tristeza ou para momentos de ironia — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto chorando alto” é uma versão mais forte do “Rosto Chorando”. Isso mostra dor ou transtorno. Ao contrário dos outros rostos tristes, é frequentemente usado ironicamente.

  • Rosto preocupado
Um emoji para expressar preocupação — Foto: Reprodução/TechTudo

Um emoji para expressar preocupação — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Rosto Preocupado” mostra choque, horror, desgosto e medo.

  • Careta
Uma careta para preocupação ou constrangimento — Foto: Reprodução/TechTudo

Uma careta para preocupação ou constrangimento — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Rosto Careta” também mostra preocupação ou constrangimento. Use-o se você estiver apreensivo com uma mensagem.

  • Rosto com uma sobrancelha erguida
Rosto com a sobrancelha erguida para expressar desaprovação — Foto: Reprodução/TechTudo

Rosto com a sobrancelha erguida para expressar desaprovação — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto com uma sobrancelha erguida” mostra ceticismo ou desaprovação. A figura é indicada se você não acredita na desculpa de alguém.

  • Rosto com monóculo
Emoji com dúvidas em relação ao que está sendo lido — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji com dúvidas em relação ao que está sendo lido — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto com monóculo” também expressa dúvidas, como se você estivesse examinando uma mensagem.

  • Rosto Mentindo
Emoji com nariz do personagem Pinóquio — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji com nariz do personagem Pinóquio — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Mentindo” apresenta um nariz crescendo, assim como Pinóquio. Use de forma moderada se você acha que alguém não está dizendo a verdade.

  • Cara sem boca
Quando estiver sem palavras, use este emoji — Foto: Reprodução/TechTudo

Quando estiver sem palavras, use este emoji — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Cara sem boca” mostra que você está sem palavras. Pode ser usado ironicamente, mas muitas vezes significa que você não sabe o que dizer durante uma conversa estranha ou não ousa dizer o que pensa quando está envergonhado ou com raiva.

  • Rosto com a boca fechada
O emoji que guarda os segredos  — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji que guarda os segredos — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Rosto com a boca fechada” pode significar que você não pode transmitir as palavras certas agora. No entanto, é mais usado para mostrar que você pode manter um segredo.

  • Cara com cabeça explodindo
Emoji com a cabeça explodindo em estado de choque — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji com a cabeça explodindo em estado de choque — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Cara com cabeça explodindo” mostra choque, dizendo ao destinatário que você está deslumbrado. É normalmente usado para admirar algo. Muitas vezes as pessoas confundem o significado deste emoji.

  • Rosto com símbolos sobre a boca
Para momentos de raiva — Foto: Reprodução/TechTudo

Para momentos de raiva — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto com símbolos sobre a boca” naturalmente substitui uma palavra de maldição. Use isto para expressar aborrecimento ou raiva.

  • Caras Cansadas
Emojis que representam o descontentamento com a vida — Foto: Reprodução/TechTudo

Emojis que representam o descontentamento com a vida — Foto: Reprodução/TechTudo

Os emojis costumam ser usadas para representar o cansaço do mundo e o estresse, como se a pessoa estivesse desanimada com a vida.

  • Rosto Sonolento
Emoji sonolento em dias de doença — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji sonolento em dias de doença — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Sonolento” raramente representa cansaço. Em vez disso, mostra que o remetente está doente.

  • Rosto Adormecido
Bateu aquele sono? — Foto: Reprodução/TechTudo

Bateu aquele sono? — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Rosto Adormecido” é usado em vez de “Rosto Sonolento” para mostrar sonolência. É difícil enviar uma mensagem quando realmente está dormindo.

  • Rostos Confusos
Emojis que podem ser usados como pedido de desculpas — Foto: Reprodução/TechTudo

Emojis que podem ser usados como pedido de desculpas — Foto: Reprodução/TechTudo

Os “Rosto Confusos” são usados de forma intercalada para mostrar confusão. Também são utilizados para mostrar estranheza ou um pedido de desculpas. Se alguém tiver que cancelar planos, por exemplo, eles podem incluir esses emojis.

  • Rosto com olhar de triunfo
Muita gente ainda confunde o significado desse emoji — Foto: Reprodução/TechTudo

Muita gente ainda confunde o significado desse emoji — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto com olhar de triunfo” é um dos emojis mais mal utilizados. É geralmente usado para mostrar raiva ou frustração, em vez de triunfar – muitas vezes ironicamente.

  • Caras Irritadas
Emojis com caras irritadas — Foto: Reprodução/TechTudo

Emojis com caras irritadas — Foto: Reprodução/TechTudo

“Cara Irritada” e “Cara emburrada” mostram raiva, com o rosto de beicinho vermelho o mais forte dos dois. Ao contrário do “Rosto com olhar de triunfo”, eles raramente são usados com humor.

  • Rosto Perseverante
Emoji para representar a perseverança — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji para representar a perseverança — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Rosto Perseverante” mostra que você está lutando com uma situação, mas continua com sua frustração.

  • Rostos Assustados
Emojis para expressar aquele susto — Foto: Reprodução/TechTudo

Emojis para expressar aquele susto — Foto: Reprodução/TechTudo

“Rosto Medroso”, “Rosto com boca aberta e suor frio” e “Rosto gritando com medo” mostram níveis variados de medo ou susto. Todos eles podem ser usados ironicamente.

Outros emojis

  • Os Macacos
Os três macaquinhos mais famosos do WhatsApp — Foto: Reprodução/TechTudo

Os três macaquinhos mais famosos do WhatsApp — Foto: Reprodução/TechTudo

Os três macaquinhos são usados para mostrar choque e constrangimento, principalmente de maneira insolente. A escolha do macaco específico para ser usado vai depender do conteúdo da mensagem.

  • Pilha de cocô
Emoji geralmente usado com humor — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji geralmente usado com humor — Foto: Reprodução/TechTudo

É quase sempre usado com humor. A figura pode ser utilizada para substituir um palavrão ou criticar uma pessoa ou mensagem.

Emojis de mãos

  • Polegar para cima
Um sinal de apoio aos amigos — Foto: Reprodução/TechTudo

Um sinal de apoio aos amigos — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Polegar para cima” mostra aceitação ou acordo.

  • Polegar para baixo
Este sinal demonstra reprovação — Foto: Reprodução/TechTudo

Este sinal demonstra reprovação — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Polegar para baixo” mostra rejeição, desagrado ou desacordo.

  • Sinal de OK
Sinal de "ok" ou para demonstrar algo pequeno — Foto: Reprodução/TechTudo

Sinal de “ok” ou para demonstrar algo pequeno — Foto: Reprodução/TechTudo

Este emoji mostra aceitação, satisfação ou que tudo está bem. Também pode ser usado para mostrar que algo é pequeno.

  • Pessoa que ergue ambas as mãos em comemoração
É hora de agradecer! — Foto: Reprodução/TechTudo

É hora de agradecer! — Foto: Reprodução/TechTudo

A pessoa que ergue ambas as mãos em comemoração, que também pode ser chamada de mãos de louvor, é usada para demonstrar apoio ou apreço.

  • Mãos abertas
Emoji transmite simpatia — Foto: Reprodução/TechTudo

Emoji transmite simpatia — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Mãos Abertas” transmite abertura e simpatia. Também pode significar que você está enviando um abraço, semelhante ao “Rosto Abraçando”.

  • Mãos Juntas
Pode ser um simples "obrigado" ou uma oração — Foto: Reprodução/TechTudo

Pode ser um simples “obrigado” ou uma oração — Foto: Reprodução/TechTudo

A pessoa com as mãos juntas, embora não tenha a intenção de ser explicitamente religiosa, costuma dizer “obrigado”, ou para mostrar oração ou súplica. Você pode usar quando for pedir um favor.

  • Call Me Hand
Este emoji pode ser usado até para desejar "boa sorte"! — Foto: Reprodução/TechTudo

Este emoji pode ser usado até para desejar “boa sorte”! — Foto: Reprodução/TechTudo

O Call Me Hand, apesar de seu nome, pode ter vários significados dependendo do contexto. É semelhante a um telefone tradicional, portanto pode indicar que você quer falar com alguém pelo telefone. Os pilotos também usam para desejar boa sorte uns aos outros. Na cultura havaiana, é conhecido como o signo “Shaka”, que significa “solta” – um gesto carinhoso indicando solidariedade.

Emojis de coração

  • Coração Vermelho
Um dos emojis mais tradicionais do WhatsApp — Foto: Reprodução/TechTudo

Um dos emojis mais tradicionais do WhatsApp — Foto: Reprodução/TechTudo

O “Coração Vermelho” é o emoticon de coração de amor clássico, expressando carinho, amizade ou romance.

  • Corações Coloridos
São várias as cores para os emojis de coração — Foto: Reprodução/TechTudo

São várias as cores para os emojis de coração — Foto: Reprodução/TechTudo

“Coração Roxo”, “Coração Amarelo”, “Coração Verde” e “Coração Azul” são todos semelhantes ao “Coração Vermelho”. No entanto, o alvo de sua afeição está normalmente relacionado à cor do coração. Por exemplo, o “Coração Azul” é normalmente usado com equipes esportivas que usam camisetas azuis. Da mesma forma, o “Coração Amarelo” está associado ao sol e ao verão.

  • Coração Partido
Pode ser usado como tristeza ou ironia — Foto: Reprodução/TechTudo

Pode ser usado como tristeza ou ironia — Foto: Reprodução/TechTudo

O emoji “Coração Partido” é a expressão final da tristeza. Também pode ser usado ironicamente.

Os emojis estão sempre evoluindo como uma ferramenta de comunicação e seus significados ainda podem estar em constante mudança. As figuras também são surpreendentemente pessoais, por isso você deve tomar cuidado ao usá-lo e certificar-se de que destinatário vá entender, para evitar algum mal entendido.

Via MakeUseOf00:00/01:00

Como escrever com emojis e enviar pelo WhatsApp

Como escrever com emojis e enviar pelo WhatsApp

fonte:
https://www.techtudo.com.br/noticias/2019/06/o-que-cada-emoji-usado-no-whatsapp-significa-veja-principais-explicacoes.ghtml